Tratamento para estrias

Um dos fantasmas estéticos que mais atormentam mulheres e homens certamente é a estria. As estrias surgem em várias partes do corpo, e acometem todos os tipos físicos, variando de intensidade de pessoa para pessoa. Mas o que causa o aparecimento de estrias? Qual o tratamento para as estrias?

O que são estrias?

As estrias surgem por causa do rompimento das fibras elásticas que sustentam a camada intermediária da pele, formada por colágeno e elastina, substâncias responsáveis pela elasticidade e tonicidade. Elas afetam os homens e mulheres normalmente a partir da adolescência (quando os jovens podem crescer "de repente" e a pele se esticar excessivamente dessa forma), mas algumas crianças também já apresentam estrias desde pequenas. As causas das estrias são muitas, mas as principais são: o Efeito Sanfona, que caracteriza o ganho e perda de peso em curto espaço de tempo, agredindo as fibras da pele; o crescimento rápido, principalmente na adolescência; as variações hormonais; o excesso de exercícios físicos; a gravidez; o ressecamento da pele.

Estrias tem cura?

Mais que curar, o importante é ajudar a prevenir as estrias. Uma boa hidratação diária pode ajudar a prevenir e a amenizar, principalmente se os cremes tiverem colágeno e elastina na fórmula. Também é muito importante fazer a hidratação de todo o organismo, através do consumo adequado de água e outros líquidos diariamente. A pele com estria possui colágeno e elastina de forma totalmente desordenada. Por isso, no tratamento das estrias é mais importante utilizar substâncias que ajudem na reorganização destas duas proteínas para que elas voltem naturalmente à sua disposição na pele.

Tratamento para estrias

Saiba como funcionam os tratamentos para estrias

Como acabar com as estrias

As estrias, se já presentes na pele, podem ser tratadas de diversas formas. O sucesso dos tratamentos para tirar estrias depende da idade das estrias, condição geral da pele do paciente, entre outros fatores. O tratamento das estrias pode ser feito a laser, por dermoabrasão, pela utilização de ácidos (cremes para estrias ou géis específicos), por meio de peeling ou pela carboxiterapia.

Creme para estrias

Existem no mercado diversos cremes e géis que prometem acabar com a estrias ou pelo menos reduzi-las. O ideal é que você procure seu dermatologista e converse com ele para saber quais desses cremes para estrias realmente fazem efeito e são eficazes. Tudo vai depender do grau em que sua estria se encontra. Além disso, o resultado desses cremes pode variar de pessoa para pessoa, sejam eles feitos por manipulação, ou seja, receitados pelo seu médico, ou industrializados.

Tratamento para estrias caseiro

Os tratamentos caseiros para estrias dão melhor efeito se feito quando elas ainda são "jovens", ou seja, recentes. Elas costumam aparecer principalmente nas costas, nas axilas, nos bíceps, nas coxas, nas nádegas, e nos seios. Uma boa esfoliação caseira seguida de uma hidratação eficiente com óleo de amêndoas ou outro bom óleo corporal pode ajudar muito na diminuição das estrias vermelhas, ou estrias jovens. Quando as estrias brancas já apareceram, esses tratamentos caseiros não surtem tanto efeito, e muitas vezes não causam qualquer alteração no estado dos riscos.

Tratamento para Estrias Vermelhas

Logo que aparecem, as estrias tem uma coloração avermelhada. Essa coloração indica uma inflamação sob a pele no local onde ela foi esticada. Nesta fase, o tratamento das estrias é fácil e dá tempo de eliminá-las por completo. Esta coloração das estrias costuma durar em média seis meses. Quando as estrias ainda estão vermelhas, recomenda-se o uso de cremes e também o uso do peeling a base de ácidos. De qualquer forma, é imprescindível procurar seu dermatologista antes de iniciar qualquer tratamento.

Tratamento para Estrias Brancas

Após o período das estrias vermelhas, elas começam a ficar claras até tornarem-se brancas, o que significa que a pele está criando uma espécie de cicatriz. Nessa fase, o tratamento é muito mais difícil. Portanto, o ideal é que todo tratamento para estrias seja iniciado tão logo surjam os primeiros sintomas. Quando as estrias já estão brancas, o tratamento precisa ser mais intenso para que a pele reaja produzindo mais colágeno e elastina, que farão a cicatrização interna das estrias. Porém, se elas também são largas e profundas, há necessidade de métodos mais invasivos para estimular o preenchimento de dentro para fora.

Tratamento a Laser para Estrias

O tratamento a laser das estrias pode ser feito tanto na fase das estrias vermelhas quanto na das estrias brancas. Na primeira fase, ele provoca um fechamento dos pequenos vasos sanguíneos além de estimular a a formação de colágeno, dando à estria uma tonalidade próxima a da pele e diminuindo o tamanho dela. Já na segunda fase, o laser vai estimular apenas a formação de colágeno, de uma forma mais incisiva. Esse tratamento pode ser feito em clínicas de estética, não dói, e quando o laser é associado a outras terapias, como cremes a base de ácidos, este resultado se torna potencializado e a chance de sucesso aumenta muito.

1 comentário
  1. Posted by denise

Deixe um comentário